ARTIGOS


Dinâmica da Coleção de Germoplasma de Seringueira: modelo computacional

Autores
Luis Alberto Ambrósio, Elaine C.P. Gonçalves, Antônio L.M. Martins

Resumo

O Programa de Melhoramento Genético da Seringueira do Estado de São Paulo, Brasil, depende da disponibilidade de diversidade na Coleção de Germoplasma. As fontes de diversidade das coleções são: a coleta de novos materiais na Amazônia, o intercâmbio de clones entre instituições internacionais e os clones superiores selecionados pelo próprio programa. O entendimento da dinâmica da evolução da coleção de germoplasma é base fundamental para se estabelecer políticas estratégicas. A dinâmica de sistemas foi utilizada como ferramenta para construir um modelo consensual sobre o sistema e simular sua evolução considerando dois cenários de desflorestamento da Amazônia: “Base Line” (A) e “Governança” (B) e dois cenários de coleção de germoplasma: “Base Line” (1) e “Gestão Estratégica” (2) os quais formam quatro “storyline”. A modelagem participativa da dinâmica do sistema de coleções de germoplasma permitiu criar consenso entre os pesquisadores da equipe sobre o sistema e estabelecer estratégias para políticas de pesquisa. Concluiu-se que a gestão estratégica da coleção de germoplasma permite a alavancagem do sistema. Se mantiver a taxa de desflorestamento da Amazônia e se não houver adoção de políticas que programem as estratégias avaliadas resultará num cenário que limita a obtenção de progênies em 50% do potencial dos caracteres produtivos no ano de 2050; caso contrário, em cenário otimista, alcançaria 95% do potencial no ano de 2045, mas com ganhos significativos para a produção comercial nos  próximos 10 a 15 anos.

Fonte: X Congreso Latinoamericano de Dinámica de Sistemas; III Congreso Brasileño de Dinámica de Sistemas I Congreso Argentino de Dinámica de Sistemas, 2016.

Íntegra (PDF)

Veja todos os artigos



Envie a um amigo

Adicione ao Favoritos

Imprimir