ARTIGOS


Parâmentros populacionais na raça Gir do Instituto de Zoootecnia

Autores
Alejandra Maria Toro Ospina, Amanda Marchi Maiorano, Ricardo Antônio da Silva Faria, Jessica Moraes Malheiros, Luiz Eduardo Cruz dos Santos Correia, Joslaine Noely dos Santos Gonçalves Cyrillo, Josineudson Augusto II de Vasconcelos Silva

Resumo

O objetivo deste estudo foi estimar parâmetros populacionais da raça Gir (Bos indicus), em população fechada do Instituto de Zootecnia. Foram avaliados dois grupos experimentais: (1) população total (TPOP), contendo informações de 3.826 animais nascidos entre 1928 e 2012, e (2) população recente (RPOP) com 586 animais nascidos entre 2000 e 2012. As populações foram analisadas utilizando o programa ENDOG, obtendo os parâmetros populacionais, o coeficiente médio de endogamia (F), coeficiente médio de parentesco (AR), tamanho efetivo da população (Ne) e o número efetivo (fe, fa e fg). Os valores de F, AR e Ne para TPOP e RPOP foram 2,30% e 5,46%; 5,15% e 7,18% e 44,17 e 52,20, respectivamente. Os valores de fe, fa e fg foram de 23, 22 e 21 para a TPOP e de 18, 14 e 6 para RPOP. A estrutura populacional do rebanho indica intensa utilização de pequeno número de reprodutores, incrementando a endogamia e afetando a probabilidade de origem do gene. Concluindo, os parâmetros populacionais estão relacionados com o manejo do sistema de acasalamento de cada população, devido à presença de elevado impacto na variabilidade genética.

Fonte: Ciência e tecnologia, v.8, n.1, p.1-6, 2016. Número especial.


Íntegra (PDF)

Veja todos os artigos



Envie a um amigo

Adicione ao Favoritos

Imprimir