NOTÍCIAS


20/03/2009

IZ recebe a visita do Conselho Nacional de Pecuária de Corte e poderá fechar parceria para projeto de sustentabilidade (20/03/2009)

A concentração de diversos gases que afetam nosso ambiente tem aumentado a cada dia, e dentro da agropecuária, um dos apontados é o gás metano entérico, produzido pelos ruminantes. O Instituto de Zootecnia (IZ-APTA), da Secretaria de Agricultura e abastecimento do Estado de São Paulo (SAA), já desenvolve pesquisas sobre o assunto e, recentemente, recebeu a visita do Presidente do Conselho Nacional de Pecuária de Corte (CNPC) para futura parceira em projeto de pesquisa sobre sustentabilidade de sistemas de produção de bovinos de corte. As propostas de trabalho exigirão buscar um sistema que esteja em constante equilíbrio do ponto de vista técnico, econômico, ambiental, social, além de manter o bem-estar animal.

 

O presidente do CNPC, Sebastião Guedes, recepcionado pela equipe de pesquisadores do Centro de Pesquisa em Nutrição Animal e Pastagem, Laboratório de Classificação e Análise de Carcaça - João José Assumpção de Abreu Demarchi, Guilherme Fernando Alleoni e Alexandre Berndt -, visitou a Unidade de Recria e Engorda de Bovinos de Corte e Laboratórios do IZ e discutiu sobre o apoio da cadeia de pecuária de corte ao projeto de pesquisa que irá avaliar o balanço de gases do efeito estufa e da sustentabilidade ambiental em sistemas de produção de carne bovina.

 

O boi tem sido visto como um dos atuais grandes vilões dentro da cadeia produtiva de alimentos. Mas pesquisas apontam valores contraditórios e com indícios de que sua contribuição não é a que está preconizada e alardeada.

 

De acordo com os pesquisadores, as principais responsáveis pela grande quantidade de CO2 liberado na atmosfera são as queimadas, derrubadas de florestas e as mudanças radicais do uso da terra. Para eles, isso tudo deve ser levado rapidamente em consideração, já que é possível reduzir o efeito estufa através da aplicação de tecnologias sustentáveis que aumentam o seqüestro de carbono.

 

Rastreabilidade - As propostas de pesquisas para produção de bovinos de forma sustentável propiciarão sistemas de produção certificados que, para o pesquisador Demarchi, possibilitará rastrear a origem dos produtos e garantir mercados internacionais, quebra de barreiras e redução da emissão de gases de efeito estufa. “Poderemos chegar ao cliente final com uma carne ecologicamente correta e com melhor preço na gôndola.”

 

Segundo Sebastião Guedes, o CNPC tem uma grande preocupação com a criação de barreiras não tarifárias relacionadas a questões ambientais para exportação da carne brasileira, como a que já existe em relação à sanidade animal. Este fato desperta interesse e uma maior atenção, visando aglutinar pesquisadores que trabalhem sobre o assunto e que se disponham a aumentar e organizar todo conhecimento disponível sobre o assunto para enfrentar futuros questionamentos globais.

 

“A grande relevância para o IZ está no resgate científico da instituição frente à sociedade através da apresentação de soluções para o problema em resposta às demandas da cadeia de produção de bovinos de corte, através da condução de projetos inovadores, multidisciplinares e multi-institucionais. O IZ é uma das poucas instituições no mundo que dispõe de equipamentos e conhecimento científico para a avaliação da produção entérica de metano em bovinos (método do SF6)”, ressalta Demarchi.

 

A visita do CNPC no IZ gerou grandes expectativas para o apoio ao projeto de sustentabilidade, apesar dos problemas econômicos globais recentes que tem acarretado preocupação para todos os elos da cadeia.

 

De acordo com o diretor do Centro, João Demarchi, com o encontro também puderam abordar uma possível pauta para workshop sobre sustentabilidade de sistemas de produção de bovinos de corte a ser realizado durante a EXPOZEBU-2009, pela Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ), em Uberaba (MG). Evento que reunirá diversos pesquisadores do Brasil, inclusive do IZ, para ministrarem palestras que apresentarão os resultados obtidos pelo IZ com relação à emissão de metano por ruminantes.

 

Comunidade científica - No final de 2008, os pesquisadores do IZ estiveram na reunião do CNPC, juntamente com diversos órgãos de pesquisa agropecuária do Brasil e representantes da cadeia da carne bovina envolvidos no tema sustentabilidade. A reunião favoreceu a troca de informações, esclarecimentos e o planejamento de ações futuras sobre o assunto que avança na opinião pública global.  

 

O grupo de pesquisadores apresentou quatro linhas de pesquisa já desenvolvidas no país, resultados de pesquisas em andamento, demandas e sugestões. A partir de agora o grupo é um núcleo pioneiro que definirá as próximas etapas do projeto, e poderá ser ampliado por novos integrantes do meio científico.

 

Assessora de Comunicação Institucional - IZ
LISLEY SILVÉRIO - Jornalista resp.
Fone: (19) 3466.9434 Fax: 3466.9413
E-mail:
imprensa@iz.sp.gov.br | lisley@iz.sp.gov.br
www.iz.sp.gov.br

 

Veja todas as notícias



Envie a um amigo

Adicione ao Favoritos

Imprimir