Bulletin of Animal Husbandry
Volume: 30 - Número: 2 - Pg: 219-225 - Ano: 1973


Autores
E. F. Ferraz e A. C. Gouva.


Estudo comparativo do poder fecundante do sêmen de alguns touros da raça Holandesa malhada de preto.
Resumo

1 — Foram comparados estatisticamente dados de campo de 320 amostras de sêmen refrigerado de três touros da raça Holandesa malhada de preto, utilizadas em primeira inseminação, com um resultado de 57% de nascimentos. As concentrações de espermatozóides variavam nas amostras de 400.000 a 1.000.000 por milímetro cúbico, tendo pelo menos 80% de formas vivas.2 — As análises estatísticas não mostraram diferenças significativas referentes aos seguintes tópicos:a) porcentagem de prenhez por touro dentro dos rebanhos;b) porcentagem de prenhez devida ao número de vacas inseminadas;c) taxa de concepções devida a diferentes concentrações de espermatozóides, por ampola.3 — Concluiu-se que as concentrações de espermatozóide, dentro dos limites estudados, não foram causa de diferenças nos índices de fecundação.


Comparison of the fertilization capacity of some Holstein Friesian bulls semen.
Abstract

The results of 320 samples of fresh semem with different spermatozoa concentrations from three Holstein Friesian hulls utilized in first insemination were compared at calving, sllowing 57% normal births. Spermatozoa numbers, in semen samples used were 400,000 to 1,000,000 per cubic milimeter, of which at least 80% were live ones.Statistical analisis showed no differences concerned to: a) percentage of pregnancies perbull within herds; h) percentage of pregnancies cine to the number of inseminated cows; and c) different concentration of spermatozoa per ampule of semen on birth rate. It is concluded that spermatozoa concentration within the limits studied is not a cause of difference in conception rate.


Íntegra (PDF)




Envie a um amigo

Adicione ao Favoritos

Imprimir