#cancerdemama            #outubrorosa

Bulletin of Animal Husbandry
Volume: 59 - Número: 1 - Pg: 01-16 - Ano: 2002


Autores
Linda Mônica Premazzi, Francisco Antonio Monteiro


Produção do capim–Tifton 85 submetido a doses e épocas de aplicação de nitrogênio após o corte
Resumo

Dois experimentos foram conduzidos com o capim-Tifton 85 (Cynodon spp), com o objetivo de avaliar a influência de doses e épocas de aplicação de nitrogênio após o corte em algumas variáveis de produção da forragem, bem como o efeito das doses de nitrogênio na estimativa do teor de clorofila da lâmina foliar, através da leitura SPAD. Os experimentos foram conduzidos em vasos contendo solo classificado como Neossolo Quartzarênico Órtico típico. O primeiro experimento foi estabelecido em esquema fatorial 4 X 2, sendo avaliadas quatro doses e duas épocas de aplicação de nitrogênio após o corte, com quatro repetições e no segundo experimento foram estudadas quatro doses de nitrogênio com seis repetições. Em ambos os experimentos empregou-se o delineamento de blocos completos ao acaso. As doses de nitrogênio estudadas nos dois experimentos foram 0, 80, 160 e 240 mg kg–1 de solo e as duas épocas de aplicação de nitrogênio foram imediatamente após o corte das plantas e sete dias após o corte. No primeiro experimento as doses de nitrogênio aumentaram a produção de massa seca da parte aérea até doses de 217 e 205 mg kg-1 de solo, no primeiro e segundo cortes, respectivamente. A produção de massa seca de raízes foi afetada pelas doses de nitrogênio e uma menor produção foi observada quando o nitrogênio foi aplicado sete dias após o corte. Houve variação na relação colmo+bainha/lâmina foliar em função das doses de nitrogênio. A concentração de nitrogênio na parte aérea e nas raízes aumentou dentro das doses de nitrogênio estudadas e foi maior na parte aérea com a aplicação aos sete dias. Observou-se aumento no valor SPAD para as doses de nitrogênio estudadas e também alta correlação desse valor com a concentração de nitrogênio na lâmina foliar.


Nitrogen rates and time of application for Tifton 85 bermudagrass production
Abstract

Two experiments were carried out in a greenhouse to evaluate the effects of nitrogen rates and time of application after cutting in Tifton 85 (Cynodon spp) yield production, as well as, the effects of nitrogen in the SPAD values in leaf lamina of this bermudagrass. Plants were grown in a Typic Quartzipsamment. The first experiment was set in a factorial design (rates x time of application) whereas the second one had nitrogen rates, established in a complete randomized block design, with four and six replications, respectively. The rates of nitrogen were 0, 80, 160 and 240 mg kg-1 of soil and the times of application were immediatly after cutting and then seven days after. In the first experiment there was an effect of nitrogen in increasing dry matter  yield   of   plant   tops.   Maximum   dry    matter   yield    occurred    at   nitrogen  rates  of  217 and 205 mg kg-1 of soil, respectively for the first and second growth periods. Dry matter of roots was influenced by nitrogen and lower production was observed when the application of nitrogen was one week later than just after cutting. There was a variation in stem+sheath/lamina ratio with the nitrogen rates. The concentration of nitrogen in plant tops and roots increased with the rates of nitrogen applied and higher nitrogen concentration was found in tops with nitrogen supply seven days after cutting than with the application just after cutting. There was an increasing in the SPAD values according to the rates of nitrogen and a high coefficient of correlation between SPAD values and concentration in the leaf lamina was observed.


Íntegra (PDF)




Envie a um amigo

Adicione ao Favoritos

Imprimir