#novembroazuloficial            #novembroazul

Bulletin of Animal Husbandry
Volume: 38 - Número: 1 - Pg: 1-7 - Ano: 1981


Autores
S. M. César, C. Boin, C. Barbosa.


Efeito do tipo de animal e do nível energético da ração no desempenho de bovinos não castrados em confinamento.
Resumo

Os desempenhos de três tipos de tourinhos com idade média de dezoito meses (NE - nelore comercial, MA X NE meio sangue marchigiana x nelore e CHI X NE meio sangue chianina x nelore) foram comparados em confinamento, usando-se duas rações, uma com conteúdo médio de energia (A = 60,1% N.D.T. estimado) e, outra, com alto teor de energia (B = 67,5% N.D.T. estimado). O delineamento estatístico usado foi o de blocos ao acaso com seis tratamentos (3 x 2), três tipos de animais e dois tipos de rações, e seis repetições. Os teores de N.D.T. das rações A e B determinados em ensaios de digestibilidade foram, respectivamente, de 61,7 e 67,0% para carneiros; 58,7 e 63.8% para NE; 62,0 e 65,8% para MA X NE; 56,0 e 61,7% para CHI X NE. No ensaio de confinamento, para atingir peso de abate de aproximadamente 450kg., os animais NE permaneceram 196 dias e, os MA X NE e CHI X NE, 112 dias, porque o NE no início apresentou menor peso vivo médio. Os ganhos de peso vivo (G.P.V.) para NE, MA X NE e CHI X NE foram de: 0,829; 1,046 e 1,133kg/animal/dia para a ração A, e de 1,032; 1,423 e 1,267kg/animal/dia para a ração B. As ingestões de matéria seca e as conversões alimentares, obedecendo é ordem acima, foram: 3,07; 2,90 e 2,96 para a ração A, e 3,00; 3,07 e 2,99kg de matéria seca (M.S)/100kg de PV para a ração B; 12,6; 10,8 e 9,7 para a ração A e 10,3, 8,9 e 9,1kg de M.S./kg de G.P.V. para a ração B. Esta foi .superior à A para G.P.V. e conversão alimentar (P < 0,01). O tipo NE foi inferior a MA X NE e CHI X NE para G.P.V. e conversão alimentar. A interação tipo de animal x nível energético de ração não foi significativa para nenhum dos parâmetros estudados.


Effect of animal type and of energy level of the ration on the performance of bullocks under feedlot conditions.
Abstract

The performance of three types of bullocks about 18 months old (NE - commercial grade nelore; MA x NE - 1/2 marchigiana x 1/2 nelore; and CHI x NE - 1/2 chianina x 1/2 nelore) were compared under feedlot conditions using two rations. Ration A was estimated to have 60.1% TDN and ration 8 67.5% TDN. A complete randomized block design with six treatments (3 x 2) and six replications was used. The TDN contents of ration A and B determined in digestion trials were, reactively: 61.7 and 67.0% for mature sheep; 58.7 and 63.8% for NE;62.0 and 65.8% for MA x NE; and 56.0 and 61.7% for CHI x NE. To reach about 450kg Liveweight for slaughter, the NE were fed for 196 days and the other two types for 112 days. The main reason for this was the lighter weight of die NE at the beginning of the experiment. The average daily gains for NE, MA x NE and CHI x NE were: 0.829; 1.046 and 1.133kg/animal for ration A and 1.032; 1.423 and 1.267kg/animal for ration B, respectively. The dry matter intakes and feed conversion, in the same order above were 3.07; 2.90 and 2.96kg DM/100 kg of LWG for ration A and 3.00, 3.07 and 2.99kg of DM/100 kg of LWG for ration B; 12.6; 10.8 and 9.7kg of DM/kg of LWG for ration A and 10.3; 8.9 and 9.1kg of DM/kg LWG for ration B. Ration B was superior lo ration A for liveweight gain and feed conversion (P> 0.01). The NE type was inferior to the MA x NE and CHI x NE types for liveweight gain and feed conversion. The interaction animal type x energy level was not significant (P > 0.05) for the parameters studied.


Íntegra (PDF)




Envie a um amigo

Adicione ao Favoritos

Imprimir