NOTÍCIAS


13/08/2012

“Resistência do Hospedeiro” - IZ realiza Workshop sobre controle do carrapato-do-boi - 16/08/2012

O carrapato-do-boi, antes denominado Boophilus microplus, e recentemente incluído no gênero Rhipicephalus (Boophilus) microplus, é o ectoparasita que mais prejuízos causa ao país. Para trabalhar o assunto, o Instituto de Zootecnia (IZ/APTA), com o apoio da CATI - Coordenadoria de Assistência Técnica Integral, ambos da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo,  realizará o 2º Workshop sobre Controle do Carrapato-do-boi, discutindo neste ano o tema “Resistência do hospedeiro”. O evento ocorrerá no IZ, em Nova Odessa (SP), no dia 16 de agosto, das 8h às 18 horas.
 
Segundo a coordenadora do Workshop, pesquisadora Cecília José Veríssimo, o carrapato-do-boi vive nas regiões tropicais e sua origem é na Índia e África, na mesma origem do gado zebu. "A convivência milenar com o parasita criou uma série de defesas anatômicas, fisiológicas e imunológicas que confere aos zebuínos a capacidade de conviver com o parasita sem que cause qualquer mal à sua saúde."
 
"Nas raças zebuínas, os animais resistentes ao carrapato são maioria da população, enquanto nas raças de origem europeia são minoria. A resistência de animais cruzados - europeu x zebu - depende da porcentagem de genes zebuíno que o animal dispõe, sendo tanto maior quanto maior essa porcentagem", explica Cecília.
 
Para falar sobre descobertas recentes no mecanismo de resistência e imunidade de hospedeiros resistentes (Nelore) e susceptíveis (Holandês) foi convidada a Professora Dra. Isabel K. F. Miranda Santos, da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, que vem estudando esse assunto há muitos anos. Antes dela, a pesquisadora do IZ, Cecília José Veríssimo, vai discorrer sobre fatores que afetam a resistência dos bovinos ao carrapato. Na parte da tarde haverá uma mesa redonda, coordenada pela pesquisadora do IZ-Sertãozinho, Maria Eugênia Z. Mercadante, “Seleção de bovinos resistentes ao carrapato através de marcadores genéticos: futuro ou realidade?”. Para compor esta mesa redonda, foram convidados três palestrantes: Marcos Vinícius Barbosa Silva, da Embrapa Gado de Leite, Juiz de Fora, MG; Fernando Flores, da Embrapa Pecuária Sul, Bagé, RS; e Roberto Carvalheiro, consultor da empresa Gensys, Jaboticabal, SP.
 
Ao divulgar e discutir esse tema importante para o controle do carrapato, a coordenadora do Workshop diz que espera contribuir para o controle racional do parasita, cujo combate, através de carrapaticidas "está cada vez mais difícil, devido à resistência que os carrapatos adquirem aos produtos, ao longo do tempo".
 
A resistência do bovino ao carrapato é a forma mais eficiente, econômica e ecológica de controle do parasita. A pesquisadora explica que a eficiência é devido ao controle efetivo da população dos carrapatos. A criação de bovinos resistentes também não requer uso de produtos químicos e, consequentemente, não há intoxicação de trabalhadores rurais que lidam com os produtos, e assim é possível evitar resíduos indesejáveis na carne, no leite e no ambiente". "Há ainda, economia, pois não há necessidade de se usar qualquer produto para controle do carrapato e não há prejuízos à saúde do bovino", ressalta Cecília.
 
Mais informações pelo email eventos@iz.sp.gov.br e para efetuar a inscrição, acesse www.infobibos.com/carrapato.
 

LISLEY SILVÉRIO - Jornalista resp.

TATIANA KAWAKAMI - Publicitária
Assessora de Comunicação Institucional e Imprensa - IZ

Fone: (19) 3466.9434
E-mail:
lisley@iz.sp.gov.br
www.iz.sp.gov.br

Instituto de Zootecnia (IZ/APTA/SAA-SP)
Rua Heitor Penteado, 56
CP 60 CEP 13460-000
Nova Odessa (SP)
 

Acompanhe a Secretaria:
www.agricultura.sp.gov.br
www.twitter.com/agriculturasp
www.flickr.com/agriculturasp
www.youtube.com.br/agriculturasp

Veja todas as notícias



Envie a um amigo

Adicione ao Favoritos

Imprimir