Bulletin of Animal Husbandry
Volume: 73 - Número: 4 - Pg: 310-318 - Ano: 2016


Autores
C. M. Cunha, A. R. M. Fernandes, T. C. Cornélio, H. A. Ricardo, L. G. C. Alves, L. O. Seno, J. C. S. Osório


Tissue composition, quality traits and fatty acid profile of longissimus muscle of lambs fed increasing levels of crude glycerin
Resumo

O objetivo foi avaliar a composição tecidual, as características qualitativas e o perfil de ácidos graxos do Longissimus de cordeiro alimentados com teores crescentes de glicerina bruta (GB) na dieta. Foram utilizados 24 cordeiros machos, não castrados, distribuídos em delineamento inteiramente casualizado, com quatro tratamentos e seis repetições. Os tratamentos testados foram 0; 2,5; 5,0 e 7,5% de inclusão de GB na matéria seca da dieta em substituição ao milho. Os animais foram abatidos quando atingiram escore de condição corporal entre 2,5 e 3,0. Após o resfriamento das carcaças, o lombo foi retirado e utilizado para a determinação da composição tecidual, e o músculo Longissimus utilizado para determinação das características qualitativas. Os diferentes teores de glicerina bruta não influenciaram os pesos e rendimentos dos tecidos, e as características qualitativas do Longissimus. O teor de extrato etéreo apresentou efeito linear crescente. Houve efeito quadrático para o ácido graxo C17:0. O ácido graxo C18:1 n-9c e C18:3 n-3 diminuiu linearmente. Houve efeito quadrático para o total de ácidos graxos insaturados e efeito linear decrescente para os ácidos graxos n-3. A relação ácidos graxos insaturados:saturados apresentou efeito linear decrescente e houve efeito linear crescente para a relação n6:n3. A glicerina bruta pode ser utilizada em substituição ao milho na dieta de cordeiros sem ocasionar prejuízos na composição tecidual e características qualitativas do Longissimus. A inclusão de glicerina bruta até 7,5% da matéria seca na dieta para cordeiros Pantaneiros melhora os aspectos nutricionais de gordura.


Composição tecidual, características qualitativas e perfil de ácidos graxos do músculo Longissimus de cordeiros alimentados com teores crescentes de glicerina bruta
Abstract

The objective of this study was to evaluate the tissue composition, quality traits and fatty acid profile of Longissimus muscle of lambs fed increasing levels of crude glycerin. Twenty-four intact male lambs were allocated in a completely randomized design with four treatments and six replicates. The treatments consisted of the replacement of corn with 0, 2.5, 5.0 and 7.5% crude glycerin (dry matter basis) in the diet. The animals were slaughtered when they reached a body condition score of 2.5 to 3.0. After cooling the carcasses, the meat was removed for the determination of tissue composition and Longissimus muscle for the evaluation of quality characteristics. The different crude glycerin levels did not affect tissue weight or yield, or the qualitative characteristics of Longissimus muscle. An increasing linear effect was observed for ether extract. There was a quadratic effect on C17:0 fatty acids, and C18:1 n-9c and C18:3 n-3 fatty acids decreased linearly. A quadratic effect was observed for total unsaturated fatty acids and a linear decreasing effect for n-3 fatty acids. The unsaturated:saturated fatty acid ratio decreased linearly and there was an increasing linear effect on the n6:n3 ratio. Crude glycerin can replace corn without compromising tissue composition and quality traits of longissimus muscle. The inclusion of up to 7.5% crude glycerin (dry matter basis) in the diet for Pantaneiro lambs improves the nutritional aspects of fat.


Íntegra (PDF)




Envie a um amigo

Adicione ao Favoritos

Imprimir