Laboratório de Referência em Biotecnologia da Produção Animal

Nome
Trabalhos com produção de embriões bovinos “in vitro”

Serviço

Nos últimos anos foi possível estabelecer um sistema de PIV em rotina em nosso laboratório, culminando com o nascimento (em 21/01/2000) do primeiro bezerro produzido por essa técnica no Instituto de Zootecnia. Durante esse período, realizamos pesquisas direcionadas ao estudo dos fatores que interferem no sistema de cultura “in vitro”. Os resultados mostraram que a incorporação de gonadotrofinas (tanto de FSH-P como eCG), e de fatores do crescimento (IGF-I) ao meio de cultura permite otimizar a maturação do oócito e a capacidade de fecundação, tendo conseguido taxas de clivagem de até 70%. Adicionalmente, considerando que os embriões produzidos in vitro, principalmente aqueles no estágio de mórula, apresentam uma grande dificuldade para ser morfologicamente avaliados, testamos uma nova metodologia de avaliação da qualidade dos embriões baseado na incorporação de corantes vitais. Esse método permitiu identificar, com grande precisão, células embrionárias mortas mas foi de limitada utilidade para determinar a viabilidade dos embriões quando comparado à avaliação morfológica. 



Envie a um amigo

Adicione ao Favoritos

Imprimir