#NovembroAzulOficial            #NovembroAzul

PUBLICAÇÕES >> Dissertações de Mestrado
Perfil microbiológico e resíduos de antimicrobianos em amostras de leite bovino de propriedades da região de Campinas - SP

Autores
Aline Francielle da Silva dos Santos

Resumo

RESUMO:


O presente estudo foi conduzido para avaliar o perfil microbiológico e ocorrência de resíduos de antimicrobianos em amostras de leite provenientes de cinco propriedades leiteiras de uma linha de coleta de leite da região metropolitana de Campinas – SP. Foi avaliada a ocorrência de mastite clínica e subclínica pelo exame dos quartos mamários das fêmeas em lactação, utilizando-se os testes de triagem Tamis e CMT, respectivamente. Amostras de leite foram colhidas dos quartos mamários para isolamento e identificação dos agentes causadores de mastite. A contagem de células somáticas foi realizada nas amostras de leite dos balões coletores e tanques de resfriamento. A presença de resíduos de antimicrobianos foi avaliada nas amostras de leite dos quartos mamários, balões medidores e tanques de resfriamento através do teste microbiológico (Delvotest® SP). Os resultados apresentados pelo trabalho mostraram uma ocorrência de mastite clínica nas propriedades entre 2,32 a 16,66%. A propriedade B apresentou no segundo período de colheita de amostras 40,42% dos animais com escore máximo de CMT. As contagens de células somáticas nos tanques de resfriamento variaram entre 221 a 1.124 x 1000 cél./mL. Os resultados da CCS dos balões coletores e os níveis de CMT dos quartos mamários foram significantes (P<0,05), indicando que as diferenças na ocorrência de CMT foram associadas às classes de CCS. O perfil de isolamento das amostras apresentou 41,98% de resultados positivos. O maior número de patógenos isolados foram os dos gêneros Staphylococcus spp. (55,75%), Corynebacterium spp. (24,60%) e Streptococcus spp. (16,73%). A frequência de quartos mamários com isolamentos e níveis de CMT foi significante (P<0,05), indicando que as diferenças na ocorrência de isolamentos positivos e negativos foram associadas aos níveis de CMT. Os escores 2 e 3 de CMT ocorreram em maior porcentagem de quartos mamários com isolamentos positivos. A análise estatística para as frequências de quartos mamários com isolamentos em cada propriedade foi significante (P<0,05), indicando que as diferenças na ocorrência de isolamentos positivos e negativos foram associadas às características das propriedades. A análise de resíduos de antimicrobianos nos balões coletores e quartos mamários mostraram 8,33% e 4,30% de amostras no nível positivo, respectivamente. A análise estatística para as frequências de quartos mamários com CMT e níveis de resíduo, somando os escores 1 e 2 de CMT, foi significante (P<0,05). O CMT escore 3 ocorreu em maior porcentagem quando o resíduo foi positivo. Foi detectada a presença de resíduos de antimicrobianos em 5% dos tanques de resfriamento. Os resultados encontrados destacam a necessidade da implantação de políticas concentradas na atenção à qualidade do leite.


 

Palavras-chave: Mastite, resíduos de antimicrobianos, contagem de células somáticas, California Mastitis Test.

 

Íntegra (PDF)


Veja todas as publicações



Envie a um amigo

Adicione ao Favoritos

Imprimir