#NovembroAzulOficial            #NovembroAzul

PUBLICAÇÕES >> Dissertações de Mestrado
Silagem de ramas de mandioca em substituição ao feno de gramíneas para terminação de cordeiros

Autores
Laucir Glauco de Gênova

Resumo

RESUMO

 

O experimento foi conduzido com o objetivo de avaliar níveis crescentes (0, 33, 66 e 100%) de fornecimento de silagem do terço superior da rama de mandioca em substituição ao feno de gramíneas ( Tifton 85), sobre o desempenho animal e características de carcaça. Vinte e quatro cordeiros cruzados (3/4 Santa Inês + ¼ Dorper), sendo machos inteiros, com idade média de 90 dias e peso vivo inicial de 30 kg de peso vivo, foram alimentados durante 30 dias com dietas isoprotéicas (16% de PB), com relação concentrado volumoso de 60:40. Os animais foram identificados, pesados e distribuídos nos quatro tratamentos. Os cordeiros permaneceram em baias individuais, cobertas, com piso de alvenaria e cama de bagaço de cana. Os parâmetros estudados foram ganho de peso vivo (GPV), consumo de matéria seca (CMS), e conversão alimentar (CA). Também foram feitas medidas, por ultrassonografia entre a 13ª costela e 1ª vértebra lombar, da espessura de gordura subcutânea (EGSU), da área de olho de lombo (AOLU) e do peso vivo (PV). Após o abate (72 horas) foram mensurados o peso da carcaça fria (PCF), , espessura de gordura (EGCar), área de olho do lombo (AOLCar), comprimento externo da carcaça (CEC), comprimento da perna (CP), perímetro da perna (PP), circunferência do quadril (CQ), profundidade de tórax externa (PTE), escore de cobertura de gordura (ECG), escore de conformação de carcaça (ECC) e índice de compacidade de carcaça (ICC). Verificou-se que a substituição do feno de gramínea por silagem do terço superior da rama da mandioca (SRM), não alterou o desempenho dos animais, entretanto levou à diminuição na cobertura de gordura e área de olho do lombo das carcaças.

 

Palavras-chave: Carcaça, desempenho, Santa Inês, Dorper.

 

ABSTRACT

 

The experiment was carried out to evaluate replacement of grass hay by increasing levels (0, 33, 66 and 100%) of cassava foliage silage on lamb’s diet and its effects on animal performance and carcass traits. Twent and four lambs, male, no castrated, crossbred (¾ Santa Inês + ¼ Dorper) with 90 days old, and initial live weight 30,0 kg, were fed for 30 days, with isoproteic diets with 60:40 relation concentrate: roughage. The animals were identified, weighted and distributed in the four treatments. The lambs were kept in individual pens. The evaluated parameters were live weight gain, dry matter intake and feed efficiency. Before the slaughter, ultrasound measurement were performed, between 13th ribs – 1th loin vertebra, to measure the subcutaneous fat thickness (EGSU) and Longissimus muscle area (AOLU), , and live body weight (PV). Seventy and two hours after the slaughter, cold carcass weight (PCF), carcass subcutaneous fat thickness (EGCar), carcass Longissimus muscle area (AOLCar),carcass external length (CEC), leg length (CP), leg perimeter (PP), buttocks circumference (CQ), external thorax depth (PTE), carcass conformation score (ECC), carcass subcutaneous fat thickness score (ECG) and the compacity index (ICC) were measured. The increasing levels of cassava foliage silage did not modify animal performance; althougt, decreased carcass subcutaneous fat thickness (EGCar) and longissimus muscle area in carcass (AOLCar).

 

Keywords: Santa Inês, Dorper, performance, carcass.

Íntegra (PDF)


Veja todas as publicações



Envie a um amigo

Adicione ao Favoritos

Imprimir